Fale conosco pelo WhatsApp

O que é Ritidectomia?

Mulher com rosto rejuvenescido depois de ritidectomia
15abr, 2020

A ritidectomia, também chamada de ritidoplastia ou lifting facial, é uma cirurgia que possibilita o rejuvenescimento do rosto por meio da retirada da pele em excesso na região. Um dos principais benefícios do procedimento é a diminuição das rugas e linhas de expressão, oferecendo ao paciente um resultado eficiente e mais natural.

Segundo uma pesquisa realizada pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), a ritidectomia correspondeu a 3,4% das cirurgias estéticas feitas em 2018. Portanto, trata-se de um procedimento cada vez mais procurado pelos pacientes, resultando em um aumento nas pesquisas sobre a indicação, benefícios, entre outros detalhes da cirurgia de rejuvenescimento facial.

Para esclarecer todas as informações acerca do lifting facial, como o procedimento também é chamado, o cirurgião plástico Dr. João Pedro Biló respondeu aos principais questionamentos dos pacientes sobre o assunto. Confira a seguir.

Quem pode fazer a ritidectomia?

Apesar de ser um processo natural do organismo, o envelhecimento do rosto pode afetar o psicológico do indivíduo, sobretudo na autoestima e autoconfiança. Por isso, a ritidectomia é indicada para os adultos com idade igual ou superior aos 40 anos, fase na qual os sinais de envelhecimento facial ficam mais evidentes.

O lifting facial pode ser realizado para melhorar os seguintes aspectos:

  • Perda do tônus muscular na região inferior do rosto;
  • Presença de linhas de expressão avançadas na testa;
  • Presença de gordura na região do queixo ou da mandíbula;
  • Vincos profundos no nariz, na dobra nasolabial ou abaixo das pálpebras inferiores;
  • Flacidez no terço médio do rosto (que abrange a parte inferior dos olhos e a dobra nasolabial).

É importante ressaltar a indicação do lifting facial só pode ser feita após uma avaliação inicial com o cirurgião plástico. Isso porque cada paciente possui uma característica física específica e, para oferecer o resultado mais harmonioso possível, o cirurgião plástico analisa as necessidades do paciente individualmente.

Nesta avaliação, o médico também considera o estado de saúde geral do indivíduo e o histórico médico do paciente e de parentes próximos (primeiro e segundo grau). Essa minuciosidade é fundamental para identificar possíveis fatores de risco e proporcionar uma cirurgia mais segura.

Como o lifting facial é realizado?

A ritidectomia é realizada em um centro cirúrgico com o paciente sob anestesia geral ou com sedação intravenosa, conforme recomendação médica. A primeira etapa do procedimento é fazer uma incisão no couro cabeludo de orelha a orelha. Em seguida, o cirurgião plástico reposiciona as estruturas faciais e remove o excesso de pele.

Por fim, o cirurgião faz a sutura e coloca a bandagem para evitar o rompimento dos pontos. A cirurgia de rejuvenescimento facial leva de 2 a 3 horas para ser concluída e o tempo de internação não costuma passar de 24 horas.

Cirurgia de rejuvenescimento facial: cuidados antes e depois

Os principais cuidados antes do lifting facial são a realização de análises laboratoriais (como o exame de sangue, por exemplo) e a preparação do organismo e da pele do rosto. Neste último caso, são recomendados a suspensão do tabagismo, dos medicamentos anticoagulantes, realizar jejum alimentar e não utilizar cremes faciais ou maquiagens no dia que antecede a ritidectomia.

O pós-operatório também requer alguns cuidados específicos. É recomendado que o paciente durma com o dorso elevado entre o segundo e terceiro dia após o lifting facial, evitando encostar a lateral do rosto no travesseiro.

Também é indicado que o paciente evite alimentos gordurosos, não se exponha ao sol, e faça a higienização das suturas conforme a orientação do cirurgião plástico. Geralmente, o desconforto pós-cirúrgico diminui de maneira gradativa com o passar dos dias, permitindo que o paciente retome os compromissos rotineiros em 14 dias, em média.

A cicatrização da ritidectomia depende de como o organismo do paciente reagirá ao processo, sendo que os principais resultados aparecem em cerca de 3 meses após o procedimento. Caso queira saber mais sobre a cirurgia de rejuvenescimento facial, entre em contato e agende uma consulta.

Fontes:

Clínica de Cirurgia Plástica Dr. João Pedro Biló;

Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP);

American Academy of Facial Plastic and Reconstructive Surgery (AAFPRS).

Cirurgião plástico formado pela Escola Paulista de Medicina - UNIFESP e com especialização em Microcirurgia e Cirurgia Reparadora pela mesma instituição. Também, Médico Colaborador do Setor de Microcirurgia e Reconstrução de Membros Inferiores da Disciplina de Cirurgia Plástica da Universidade Federal de São Paulo Escola Paulista de Medicina (UNIFESP / EPM).